CARRINHO: 0 ITENS, 0.00€


€0.000 itens

O Que Podemos Aprender Com os Psicopatas

Novo Preço
Ano da Edição / Impressão / 2014
Número Páginas / 280
ISBN / 9789892324647
Editora / LUA DE PAPEL
Ganha 8.5 Letras
16.90
Antes €0
Poupa €0 (0%)
Disponibilidade/ Imediata
Prazo de entrega/ 2 a 3 dias úteis
Iva à taxa a vigor


O Que Podemos Aprender Com os Psicopatas - DUTTON, KEVIN


Imaginem que disparam uma pistola junto ao ouvido de alguém. Mesmo que a “vítima” tenha sido avisada, apanhará um susto, certo? Depende. Pelo menos dois grupos de pessoas, perante a experiência laboratorial, nem pestanejaram: monges budistas e... psicopatas. Ambos têm em comum uma extraordinária capacidade de se manterem calmos em situações de stress. O que os diferencia é o uso que dão à frieza absoluta.
Kevin Dutton, psicólogo investigador da Universidade de Oxford, demonstra que todos nós partilhamos algumas características associadas  à psicopatia. O que varia é o grau onde nos posicionamos na escala. Um psicopata é por definição destemido, charmoso, egocêntrico, confiante, implacável e focado – características não apenas úteis numa série de profissões, como cada vez mais procuradas pelo mercado de trabalho. Através de medições levadas a cabo em laboratório, o autor prova até que ponto os melhores gestores, cirurgiões, advogados, espiões e jornalistas têm classificações altas na escala da psicopatia. Esses “psicopatas funcionais” são cada vez em maior número na nossa sociedade e partilham sete características principais que podemos desenvolver e utilizar em proveito próprio.
Obra irreverente, onde a ciência se cruza sempre com histórias reais,
O Que Podemos Aprender com os Psicopatas leva-nos das celas de prisões de alta segurança aos escritórios de advogados de sucesso, sempre em busca da verdade escondida atrás dos mitos da psicopatia.

Saiba mais em www.kevindutton.co.uk, onde poderá fazer o teste online à sua personalidade.


Kevin Dutton nasceu em Londres em 1967. Formou-se e doutorou-se em Psicologia na Universidade de Essex, onde investigou, enquanto bolseiro, a questão dos Preconceitos Cognitivos e Desordens Emocionais. Mudou-se para a Universidade de Cambridge, onde durante dez anos lecionou nas áreas  da Ciência e Religião. Especializado no estudo da influência social (que explorou no livro Flipnosis, traduzido em 18 línguas), é atualmente psicólogo investigador no Magdalen College, Universidade de Oxford. Enquanto escrevia O Que Podemos Aprender com os Psicopatas, chegou a auto-estimular eletronicamente a região do seu cérebro responsável pelas emoções, de modo a sentir na pele o que é ser um psicopata.

N�o existem coment�rios.
Faça o seu comentário ao livro "O Que Podemos Aprender Com os Psicopatas", de DUTTON, KEVIN
COMENTAR